Como escolher um fornecedor de tecnologia para a sua máquina agrícola?

Qualidade do suporte técnico e flexibilidade das soluções são alguns pontos que devem ser observados pelo produtor rural nessa seleção.

10 março 2021
technology-supplier-agri-machine

Com o avanço da agricultura 4.0, ter máquinas agrícolas com inovações tecnológicas embarcadas deixou de ser um diferencial, tornando-se uma necessidade para qualquer produtor que queira otimizar ao máximo a eficiência das suas operações no campo. Com apoio de softwares e microprocessadores, tratores, colhedoras e implementos ganham novas funcionalidades, reduzem custos e aumentam a produtividade.

“Agregar hardwares (produto físico, como displays, controladores e sensores) e softwares (sistema operacional) de um fornecedor é a melhor forma de transformar equipamentos em verdadeiras ferramentas tecnológicas”, explica Bernardo de Castro, presidente da divisão de Agricultura da Hexagon, que desenvolve soluções digitais integradas para o campo.

Confira algumas dicas para levar em consideração na hora de escolher um fornecedor de tecnologia para suas máquinas agrícolas.

Confiança e solidez da marca
Antes de tudo, é importante verificar se a fornecedora de tecnologia é uma empresa de confiança. Afinal, esse é um investimento importante e que poderá fazer toda a diferença na sua produção agrícola.

É possível pesquisar sobre alguns tópicos como o faturamento e o crescimento da empresa nos últimos anos e o número de colaboradores e de parceiros com os quais ela atua.

“Uma marca que vem demonstrando um bom crescimento e que já seja conhecida e sólida no mercado tem chances muito maiores de ser uma fornecedora de confiança”, comenta Bernardo.

Suporte técnico qualificado Nenhum equipamento está livre da necessidade de manutenção e eventuais reparos. Por isso, a qualificação dos profissionais técnicos da empresa é outro aspecto que precisa ser levado em consideração na escolha de um fornecedor de tecnologia.

É bem importante avaliar se há a disponibilização de uma estrutura de atendimento e de um suporte rápido e eficaz, já que toda a operação agrícola pode ser muito prejudicada em caso de problemas. “Não deixe de confirmar se existem centros de assistência técnica e de pós-vendas”, enfatiza Bernardo.

Soluções completas e inovadoras
Todos procuram por empresas que atendam às suas necessidades, mas é interessante investir em fornecedores que apresentem soluções completas para o seu cultivo. Além de comprovar expertise, isso possibilita que, no futuro, o produtor possa agregar mais produtos tecnológicos aos seus equipamentos.

Outro ponto essencial é conferir o grau de inovação da empresa. “Um fornecedor de tecnologia precisa estar sempre atento às novidades e buscando trazer inovação aos seus produtos. É por isso que aqui, na Hexagon, investimos pelo menos 12% das vendas líquidas em Pesquisa e Desenvolvimento”, explica o presidente da divisão de Agricultura da Hexagon.

Flexibilidade e customização
Conferir se o fornecedor oferece flexibilidade também é fundamental na hora de escolher uma empresa para adquirir hardwares e softwares.

O ideal é que as marcas estejam prontas para integrar seus produtos com outras tecnologias e componentes que eventualmente já sejam utilizados pelo produtor rural.

“Além da compatibilidade, levamos muito em consideração a necessidade de cada consumidor. Por isso, oferecemos módulos adicionais e customizações para chegarmos, juntos, ao que o ele realmente precisa”, explica Bernardo de Castro.

Gostou deste artigo? Compartilhe nas suas redes sociais!


Desencadeando o poder da autonomia

A Hexagon tem uma visão ousada para um futuro autônomo onde negócios, indústria e humanidade prosperem de forma sustentável.

Interessado em nossas soluções?

Preencha este formulário para solicitar uma demonstração e descubra como você pode se beneficiar com a digitalização da agricultura.